Como recomeçar a vida e se reerguer

A vida é feita de ciclos, e é fundamental aprender a recomeçar

Como diz Luiz Gasparetto, “o fim só existe para quem não percebe o recomeço”. São os tropeços, as despedidas e os fins de ciclos que nos fazem aprender e, sobretudo, nos possibilitam viver novas experiências. Lidar com desapontamentos com maturidade e saber como recomeçar a vida é uma característica das pessoas com inteligência emocional bem desenvolvida.

Veja algumas sugestões para recomeçar do zero após um momento difícil:

Deusas do seculo21

Desapegue e deixe o passado para trás

Permita que as pessoas saiam de sua vida, caso seja a vontade delas. Por vezes recebemos sinais que alguém deseja se afastar, mas, mesmo assim, insistimos para mantê-la perto e acabamos nos machucando no processo. É importante aceitar as decisões dos outros (mesmo que sejam ruins) e seguir em frente.

Livre-se do rancor e, se for possível, perdoe. Remoer mágoas passadas, além de doloroso, ocupa o espaço que poderia ser de novos e bons sentimentos.

Faça as pazes consigo mesmo: Olhe no espelho e se aceite como é. Com todas as marcas do tempo, os defeitos e as qualidades que você tem. Lembre-se que seu corpo não é um problema, e sim o instrumento para realizar seus sonhos.

Use os erros do passado para aprender e não para se torturar. Afinal, todo mundo comete erros.

Deusas do seculo21

Como recomeçar a vida

Para começar, reserve um tempo para fazer algo de que você goste e que não faz há muito tempo. Coma um doce que lembra a sua infância ou saia para patinar… e se não conseguir mais se equilibrar sobre rodas, ria de si mesmo – o importante é lembrar que a vida faz sentido porque somos uma coleção de memórias.

Doe algo que não precisa, para alguém que precise mais do que você. Procure tornar o desapego um hábito nesse novo ano.

Tire um tempo e diga eu te amo para as pessoas próximas. A dura verdade é que não sabemos quando iremos partir, então procure sempre deixar claro o quanto suas pessoas queridas são importantes para você.

Deusas do seculo21

Viaje sozinho :Ou pelo menos passe um dia só. Se não der para viajar, permita-se explorar sua cidade, ou quem sabe ir ao cinema, e dê esse tempo de presente para você mesmo.

Sonhe e trace seus objetivos: mas não deixe que o futuro atrapalhe o seu presente.Nada de “vou me divertir na praia só depois que conseguir um corpo de modelo” ou similares, ok? Pode ser que esse futuro desejado chegue, mas as oportunidades de bons momentos desperdiçadas infelizmente não voltarão.

E, por fim, repense em que você anda investindo seu tempo e energia. Será que vale a pena se dedicar a atividades que, no fundo, você sabe que te deixarão pra baixo? O que realmente te faz feliz?

Cuide dos seus pedaços

Um pedaço de você já ficou no tempo, quando você deixou de ler um bom livro, quando não acreditou naquele amigo…

Quando não aproveitou aquele instante para falar de amor, quando não abraçou seu pai e nem beijou a mãe.

Um pedaço de você se perdeu na curva, quando abandonou o seu sonho sem tentar, quando aceitou trabalhar onde não gostava, quando fazia o que não suportava…
Quando disse sim, quando queria dizer não, quando deixou o amor morrer antes de nascer, por medo de sofrer…

Deusas do seculo21

Um pedaço de você ficou parado, quando você não quis fazer um novo percurso, quando se conformou com o velho, quando ficou parado vendo o povo correr…

Quando votou em branco, se podia escolher, quando não apareceu quando era esperado.

A vida pede atitude em cada instante, e passa por cima de quem se cala, de quem aceita, de quem acredita que tudo está irremediavelmente perdido.
A vida desacata quem não se aceita, humilha quem não se valoriza, ensina com amor os que amam sem medidas, ensina com dor, os que fogem das lições.

Um pedaço de você quer tudo, outro quer se esconder.
Assim, cabe a você, só a você, dosar ansiedade e apatia, ter um tempo para criar e outro para executar…
Falar e ouvir, ensinar e aprender, caminhar e correr…

Amar e ser amado, falar baixo e gritar. Ter um tempo para refletir…
Só não vale cruzar os braços! Só não vale não ser você! Só não vale esquecer: Que nada é mais importante que você.

Siga Deusas na redes
Deusas do seculo21

Comentários

comentários

Isabela Castro

Isabela Castro

Terapeuta corporal e massoterapeuta e tenho por objetivo aplicar princípios, métodos e técnicas de terapias naturais com a finalidade de manter, equilibrar ou restabelecer a saúde, a harmonia e a qualidade de vida através do corpo. Desenvolvendo trabalho com mulheres através da massoterapia, com foco no auto conhecimento da essência feminina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *